Open and close menu

Brasileiro está mais consciente sobre o seguro residencial

06.11.2013 |

O brasileiro, que frequentemente associava o seguro residencial a incêndios e alagamentos, está mais a par sobre as coberturas e o leque de serviços oferecidos por este produto, com serviços que facilitam a rotina do segurado.

“Quem não está sujeito a ficar preso em casa, sem chaves, ou mesmo a vazamentos e outros empecilhos que podem atrapalhar o dia a dia?”

“Dependendo da característica do risco o segurado pode contratar um seguro por cerca de R$ 200,00 ao ano, garantindo sua residência por exemplo, contra eventos causados por danos elétricos, responsabilidade civil familiar (danos a terceiros) e danos materiais ao bens do segurado por vazamentos acidentais da rede de água e esgoto da residência. Além disso, o segurado conta com serviços de assistência gratuitos, podendo optar por 03 planos (Essencial, Proteção Extra e Proteção Máxima) de acordo com as suas necessidades”, ele afirma.

As regiões brasileiras que apresentam os maiores índices de contratação do seguro residencial, são, respectivamente: Sudeste, Sul e Nordeste, de acordo com dados da SUSEP. Na Yasuda Seguros a região Sul lidera a contratação no seguro residencial, com crescimento de mais de 20% em relação a 2012.

O seguro residencial apresentou crescimento de 23% nos últimos 12 meses, conforme a Susep. Além disso, a seguradora apresentou crescimento superior ao mercado nacional, de 28%. “Entre os seguros compreensivos os seguros residenciais representam a maior quantidade de segurados, com aumento nos últimos anos”, afirma Satio.

A conscientização sobre o seguro residencial engloba a prevenção aos danos causados por incidentes em casa. “Os serviços mais solicitados atualmente no são de encanador, eletricista, chaveiro e o ‘check-up’ lar, que inclui revisão elétrica e de vazamentos, caçamba, fixação de prateleiras, entre outros. Com base nesse cenário, acreditamos que esse seguro prioriza, cada vez mais, a solução rápida dos problemas rotineiros”, afirma Satio.

Como contratar

O corretor pode ajudar a identificar as necessidades e riscos a que seu imóvel está exposto. Ainda assim, um dos motivos que ainda levam diversas pessoas a não contratar esse seguro é a falta de informação. “Por desconhecer ou conhecer pouco sobre seguro residencial, alguns acham que o valor pode ser até mais alto que um seguro de veículo, quando na verdade o valor do residencial fica abaixo do seguro auto”, explica.

Fonte: Revista Apólice

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

]

Sobre a Giovanibruno Seguros

Desde 1993, zelamos pelo patrimônio dos clientes com seguros empresariais e residenciais, além da consultoria em gerenciamento de riscos.

Faça já um orçamento

Quer receber nossos conteúdos e informações exclusivas no seu e-mail? Assine nossa newsletter.

Gerenciamento de Riscos

O primeiro passo para uma proteção eficaz.

Saiba mais

Seguros Empresariais

Diversas maneiras de proteger seu patrimônio.

Saiba mais

Seguros Pessoais

Garantir o futuro é dormir tranquilo todos os dias.

Saiba mais

Oportunidade

Você, Corretor ou Produtor de Seguros, venha trabalhar conosco!

Fale Conosco